Turismo Atiende turismoatiende@sernatur.cl
 600 600 60 66    +56 9 9458 0453
Los 33: Reviva o resgate da Mina San José

Los 33: Reviva o resgate da Mina San José

Por: Gabriela Salina - 24 novembro, 2021

Banderas mina San José

A Mina San José situa-se a 30 quilômetros da cidade de Caldera, na Região de Atacama. Hoje é um lugar conhecido no mundo todo porque ali 33 mineiros ficaram soterrados mais de 700 metros debaixo da terra, sem água, com pouca comida e quase sem ar.

Reviver esta façanha é possível graças ao “Circuito de los 33” que chega até a mina pela rota do deserto.
O dia 5 de agosto de 2010 é uma data inesquecível para o Chile e para os 33 homens que sabiam que arriscavam sua vida debaixo da terra.

Foi o começo de uma história que duraria 69 dias, mais de dois meses em que o mundo colocou seus olhos na Região de Atacama e no acidente da Mina San José que deixou os 33 mineiros soterrados, praticamente sem expectativas de sobreviver.

Completamente sem comunicação com o mundo exterior, a conclusão óbvia foi de que não havia sobreviventes. Mas a voz dos familiares dos mineiros que chegaram ao lugar, posteriormente conhecido como Acampamento Esperança, exigiu que as buscas continuassem.

Dezessete dias depois, a equipe de buscas conseguiu chegar perto do lugar onde os mineiros estavam soterrados. Ao subir a sonda, um papel amarrado trazia uma mensagem escrita em vermelho: “Estamos bem, no refúgio, os 33”. Como esquecer esse momento? Milhões de pessoas em todo mundo testemunharam a esperança que subia timidamente à superfície.

Foi esse o elemento que motivou o surgimento de esforços que permitiram o resgate. Os mineiros estavam consideravelmente debilitados, o que acelerou o árduo processo de resgate.

Ruta mina San José

O resgate: Operação San Lorenzo

San Lorenzo é o santo padroeiro dos mineiros, que sempre lhe pedem para voltar para casa sãos e salvos. A mineração é fundamental para entender a história do Chile, um país mineiro, que possui mais de 30% das reservas mundiais de cobre e onde se exploram os numerosos recursos naturais disponíveis no território.

Foi por causa deste padroeiro que o resgate foi chamado de Operação San Lorenazo, que permitiu a incrível façanha de enviar oxigênio, comida, água, roupa e eletricidade atravessando as pedras. Além de permitir a comunicação com as famílias dos mineiros.

Depois de 69 dias debaixo da terra, os mineiros saíram numa cápsula especialmente desenhada, que ficou conhecida como “Cápsula Fênix”.

Cruz mina San José

A Mina San José hoje – Circuito Los 33

A Mina San José foi fechada depois do resgate, e hoje é um museu que pode ser visitado onde encontram-se diversos marcos que fazem referência à tragédia e ao posterior resgate, como as sondas utilizadas, os lugares onde se desenvolveram os planos de resgate, entre outros.

Um dos 33 mineiros acompanha os visitantes ao Centro de Interpretação, onde explica, em primeira pessoa, os fatos que aconteceram durante a tragédia.

Há uma sala com fotografias e um documentário que conta todos os esforços realizados para resgatar com vida os 33 mineiros.

É possível reviver a história dos 33 que comoveu o mundo e deu origem a dois filmes, além de conhecer as paisagens incríveis da Região de Atacama, já que a mina se encontra no circuito da Rota do Deserto, cercada por trilhas e maravilhosas dunas.

Se gostou deste artigo, partilhe-o


Artigos que lhe possam interessar