Turismo Atiende turismoatiende@sernatur.cl 600 600 60 66
Sul, lagos e vulcões: conheça o fascinante sul do Chile

Sul, lagos e vulcões: conheça o fascinante sul do Chile

Por: Chile Travel - 28 maio, 2019

O território chileno tem uma grande diversidade de relevos, cores e contrastes de paisagens que apaixonam a todos que o visitam.  E uma de suas áreas é particularmente impressionante: o sul do Chile. E com certeza, o grande número de lagos, rios, canais, ilhas e vulcões, misturado com o verde de suas florestas, irá surpreendê-lo.

Destacada em vários parques nacionais, a macrozona do Sul, lagos e vulcões oferece uma variedade de atrações. Venha e descubra os recantos cheios de magia, conheça a cultura dos povos nativos, experimente a requintada cozinha local. Viva a experiência de atividades de aventura e deixe-se deslumbrar pelas paisagens sublimes do sul do Chile.

Escape para o sul e deixe a magia guiá-lo para os seguintes lugares:

PUYEHUE, ENTRE RIOS, LAGOS E TERMAS

Vista de las cascadas de agua del Parque Nacional Puyehue

Se quer desfrutar de ambientes naturais únicos, respirar o ar fresco em florestas de 800 anos, escalar os centros de esqui, explorar trilhas, praticar esportes aquáticos, andar a cavalo ou até mesmo relaxar em fontes termais, Puyehue é o melhor destino, tem tudo isso e muito mais.

93 km de distância a leste de Osorno fica a cidade de Puyehue, uma maravilha do sul do Chile por suas variadas belezas naturais, passeioss recreativo, culturais e gastronômicos.

Nesta área encontramos o mais extenso Parque Nacional do setor: o Puyehue, um Santuário da Natureza que é dividido em três áreas principais: Aguas Calientes, Anticura e Antillanca.

Cada área oferece atividades especiais de acordo com sua paisagem e ambiente natural. Aguas Calientes possui nascentes naturais que chegam até 45ºC,  está localizada às margens do rio Chanleufú, um lugar incrível com cachoeiras, miradores e florestas com rotas de caminhadas interpretativas.

Você ficará impressionado com os magníficos vulcões e lagos, como Rupanco e Puyehue, rios como Las Gaviotas e canais como Gol Gol.  Passeios incríveis para praticar eco-turismo e agro-turismo, graças às atividades herdadas pelos índios mapuches, que ainda habitam o setor.

DESCUBRA AS LEGENDAS DE SAN JUAN DE LA COSTA

[youtube v=”tP2clElCSLE”]

Se em busca de novos lugares, visitar a cidade desconhecida de San Juan de la Costa irá preencher todas as suas expectativas. Cultura, história e lendas se misturam com paisagens naturais de rios e praias.

Fundada pelo povo Huilliche, atualmente ainda podemos desfrutar de sua cultura incorporada na área e, até mesmo, compartilhar com os moradores desta cidade original do Chile. Além disso, suas belas praias e encantos costeiros oferecem várias atrações turísticas ligadas a esportes aquáticos, como vela e standup paddle.

Bahía Mansa é a área mais conhecida deste destino, pois recebe barcos de todos os tipos, mas cidades como Pucatrihue ou Maicolpué possuem praias e spas que encantam os visitantes, especialmente pela tranquilidade das aldeias e pelo carisma de seu povo.

Se tiver sorte o suficiente para ir durante o mês de fevereiro, o Festival dos Povos Indígenas da América Latina é celebrado em San Juan de la Costa, onde você pode apreciar as tradições e gastronomia de diferentes culturas, bem como as enormes estátuas. de madeira representando cada heróica Lonko (líder) região Mapuche.

TURISMO RURAL NO RIO NEGRO

Imagen de un plato de comida típica mapuche servido con sopaipillas caseras

Após um passeio pelo sul do Chile, recomendamos que não perder a oportunidade de conhecer uma localidade que oferece uma experiência única que une, cultura e as árvores milenares.

A 36 km de Osorno, o Rio Negro está localizado, um lugar particularmente especial devido às festividades tradicionais, turismo rural, agroturismo e ecoturismo.

Batizada pelo povo Huilliche como “Curileufu”, que significa “rio Negro”, essa área de cordilheira é notável, com a presença de espécies como a Alerce, Mañío, Laurel e Coigüe, entre outras variedades típicas da única floresta Valdivian.

Além disso, nesta área, se pode realizar várias atividades como, passeios a cavalo, trekking, ciclismo, pesca com mosca, atividades campestres e, acima de tudo, experimentar a deliciosa comida típica. Não sai sem antes provar um Cordero al Palo, Sopaipillas e Catutos com muito pebre (um tipo de vinagrete), ou sem provar o Muday, uma bebida mapuche feita a partir da fermentação do trigo.

E que melhor maneira de mergulhar na rica história e cultura de um lugar que desfrutar de sua culinária típica? Aqui, o povo do povo Huilliche está muito disposto a compartilhar suas tradições ancestrais, mostrar sua relação com a terra, o campo e seus ritos.

O LAGO FABULOSO LLANQUIHUE E O VULCÃO OSCÓNICO ICÓNICO

Imagen panorámica del volcán Osorno donde destacan hectáreas de pasto en un colorido amanecer

Continuando a viagem pelo sul do Chile, encontramos o fabuloso Lago Llanquihue, o segundo maior do país, que representa um mundo de atrações ao seu redor.

Vulcões, florestas e cidades coloniais, tradição e parques nacionais farão da sua visita uma experiência inesquecível.

Os mais belos cartões postais sairão daqui graças ao icônico Vulcão Osorno. Sempre nevado no pico, parece que foi desenhado, é a porta de entrada para a sublime Patagônia Chilena e se impõe diante do extenso Lago Llanquihue.

Scenic e visível de centenas de quilômetros, este vulcão inativo oferece múltiplas possibilidades para os amantes da aventura. Trekking, escalada ou mountainbike, ver as crateras no topo do maciço é um verdadeiro desafio para os fãs de experiências ao ar livre.

No coração deste destino, encontramos um dos lugares mais espetaculares do sul do Chile: Los Saltos de Petrohué. Belas cachoeiras que passam por rochas antigas, e que podem ser apreciadas em calçadas e mirantes que lhe permitirão ver como o rio Petrohué que salta entre enormes massas de lava cristalizada do vulcão Osorno, criando um paisagem único.

Ao redor do Lago Llanquihue, você encontrará pitorescas aldeias de tradição alemã que oferecem vários serviços turísticos, excursões e uma oferta gastronômica de primeira classe. Frutillar, Ensenada, Puerto Octay e Puerto Fonk serão o destino ideal para surpreendê-se com uma arquitetura patrimonial e uma variada oferta de doces e sobremesas acompanhados de um bom café.

E se quer ver beleza, Puerto Varas é uma das cidades mais fotogênicas do Chile, sendo a maior fronteira do Lago Llanquihue. E como as outras cidades, seu toque de elegância alemã e o vulcão ao fundo, fazem dele um cartão postal dos sonhos. Uma imagem imperdível para o seu Instagram!

MAGIA E LEGENDA NO ARQUIPÉLAGO DE CHILOÉ

imagen que muestra completa una de las iglesias de madera de la isla de Chiloé, declaradas Patrimonio de la Humanidad

A 27kms ao sul de Llanquihue, fica a cidade de Puerto Montt, que deve cruzar o Canal de Chacao de balsa até a Ilha Grande de Chiloé e suas dezenas de ilhas e ilhotas que a cercam.

Nas famosas ilhas deste arquipélago, canais, mitos e lendas estão interligados. Além de sua arquitetura pitoresca e culinária requintada, histórias como o Trauco (criatura semelhante a um ogro que caminha pela floresta) ou o Caleuche (navio fantasma que aparece e desaparece no mar) fazem parte da fascinante tradição cultural de a ilha.

Desde que se pisa neste lugar, se sente uma atmosfera mágica no ar, que é misturada com o ritmo tranquilo de seus habitantes, natureza única e arquitetura única, caracterizada por coloridas igrejas de madeira destacadas como Patrimônio Mundial pela UNESCO.

As cidades da grande ilha que se deve explorar durante a sua visita são Ancúd, Quellón e a capital, Castro. Este último permitirá que você tire as fotos mais representativas desta ilha no sul do Chile, graças aos palafitos coloridos, casas de madeira que se elevam sobre o mar.

Além disso, a cozinha do lugar, é representada da melhor forma com o prato “curanto tradicional”, preparado à base de carne e frutos do mar cozidos em um buraco no no chão com pedras quentes, que consegue passar no paladar dos comensais e marcam a identidade incomparável de Chiloé.

No nível da natureza, seus campos e diferentes tons de verde não deixam ninguém indiferente. Além de apreciar as paisagens sublimes, a ilha oferece variados panoramas ao ar livre que permitem descobrir a flora e a fauna de Chiloé, não perca as trilhas do Parque Nacional de Chiloé e Tantauco, ou caiaque pela floresta submersa que circunda a região da Lagoa de Chaiguata.

Viaje pelo sul do Chile! Visite cada um dos nossos destinos recomendados e aventure-se para explorar os mais escondidos. Crie o sua própia rota pelo país e partilhe com a gente com suas fotos a cada nova aventura.

Se gostou deste artigo, partilhe-o